Exportar registro bibliográfico

Padronizacao e avaliacao do teste de imunofluorescencia com tripomastigotas fixados in situ na deteccao de anticorpos indicadores de persistencia da infeccao em chagasicos cronicos (1991)

  • Authors:
  • Autor USP: LEVY, ANTONIO MARCOS DE APPARECIDA - FCF
  • Unidade: FCF
  • Sigla do Departamento: FBC
  • Subjects: FARMACOLOGIA; IMUNOLOGIA; DOENÇAS INFECCIOSAS
  • Language: Português
  • Abstract: Um novo teste (ifs)imunofluorescencia in situ para a deteccao de epitopos de membrana de t. Cruzi apresentou maior sensibilidade que lise mediada por complemento (lmco) e imunofluorescencia com tripomastigotas vivos (ifv) na pesquisa da persistencia da infeccao chagasica. Tripomastigotas vivos foram colocados sobre uma lamina fixados rapidamente com glutaraldeido 0,025%. Bloquearam-se radicais aldeido com albumina bovina e glicina; armazenaram-se as laminas a -20 graus. Avaliou-se o teste em soros de pacientes chagasicos cronicos tratados com sucesso (st) com repetidos xenodiagnosticos (xeno) e lmco negativa e em soros de chagasicos cronicos nao submetidos ao tratamento (nt). Este ultimo grupo foi dividido em quatro mediante resultados de xeno e lmco. A media geometrica dos titulos (mgt) nos st foi 25. Mgt foi 231 nos nt com xeno e lmco positivos; 181 com xeno positivo e lmco negativa; 240 nos nt com xeno negativo e lmco positiva e 89 nos nt com xeno e lmco negativos. Observou-se em ifs titulos 1:80 ou maiores em 86% dos nt com xeno negativo, 84% dos soros com lmco negativa e 74% dos soros com ifv negativa. Especificidade de ifs foi 98%. Imunofluorescencia convencional apresentou resultados semelhantes em todos os grupos. Ifs e recomendada para auxiliar na selecao e avaliacao do tratamento de chagasicos cronicos
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 06.06.1991

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      LEVY, Antonio Marcos de Aparecida; KLOETZEL, Judith Kardos. Padronizacao e avaliacao do teste de imunofluorescencia com tripomastigotas fixados in situ na deteccao de anticorpos indicadores de persistencia da infeccao em chagasicos cronicos. 1991.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1991.
    • APA

      Levy, A. M. de A., & Kloetzel, J. K. (1991). Padronizacao e avaliacao do teste de imunofluorescencia com tripomastigotas fixados in situ na deteccao de anticorpos indicadores de persistencia da infeccao em chagasicos cronicos. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Levy AM de A, Kloetzel JK. Padronizacao e avaliacao do teste de imunofluorescencia com tripomastigotas fixados in situ na deteccao de anticorpos indicadores de persistencia da infeccao em chagasicos cronicos. 1991 ;
    • Vancouver

      Levy AM de A, Kloetzel JK. Padronizacao e avaliacao do teste de imunofluorescencia com tripomastigotas fixados in situ na deteccao de anticorpos indicadores de persistencia da infeccao em chagasicos cronicos. 1991 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021