Exportar registro bibliográfico

Substrato e composição do banho no processo de deposição química do níquel (1988)

  • Authors:
  • Autor USP: PEREIRA, ERIDON CELSO - EP
  • Unidade: EP
  • Sigla do Departamento: PMT
  • Assunto: NÍQUEL
  • Language: Português
  • Abstract: Como as características de um depósito, principalmente a sua aderência ao substrato, dependem das condições de deposição durante os estágios iniciais do processo, foi investigado, através da medida do potencial misto em função do tempo de deposição, o comportamento cinético e eletroquímico de deposição química do níquel sobre substratos de aço, alumínio, zinco e liga de Zn-Al-Cu (zamak). Foi investigado também o efeito da composição do banho, tanto em termos da natureza como da concentração, sobre a taxa de deposição do níquel e do fósforo e da evolução de hidrogênio através de ensaios gravimétricos e volumétricos, análise instrumental, e ensaios eletroquímicos de polarização. Nos ensaios de medida do potencial misto em função do tempo de transição foi identificado como parâmetro mais importante o tempo de transição, que é o tempo necessário para promover o recobrimento do substrato com níquel. Foi mostrado que a facilidade de deposição química sobre um determinado substrato pode ser avaliado através desse tempo. Assim, dos quatro substratos estudados, o aço apresenta menores tempos de transição em todos os banhos investigados, seguido do alumínio. Já o zinco e zamak apresentam tempos de transição elevados, sendo a sua deposição química viável apenas em banhos complexados com íons pirofosfato. Os efeitos do agente redutor, do agente complexante e do pH sobre as taxas de deposição do níquel e do fósforo e de evolução do hidrogênio foram avaliados através de ensaios gravimétricos e volumétricos e, posteriormente, comparados com os resultados dos ensaios eletroquímicos, numa tentativa de estabelecer os mecanismos envolvidos e de testar os modelos propostos em literatura. Foi constatado que as reações propostas para a deposição dofósforo não são compatíveis com os efeitos dos agentes complexantes e do pH. Foi constatado também que o método de estimar os potenciais e a taxa de deposição a partir da intersecção de curvas de polarização parciais não se aplica aos banhos investigados.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 02.06.1988

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PEREIRA, Eridon Celso; WOLYNEC, Stephan. Substrato e composição do banho no processo de deposição química do níquel. 1988.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1988.
    • APA

      Pereira, E. C., & Wolynec, S. (1988). Substrato e composição do banho no processo de deposição química do níquel. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Pereira EC, Wolynec S. Substrato e composição do banho no processo de deposição química do níquel. 1988 ;
    • Vancouver

      Pereira EC, Wolynec S. Substrato e composição do banho no processo de deposição química do níquel. 1988 ;

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020