Exportar registro bibliográfico

Estudo hidroquímico e isotópico das águas subterrâneas do aqüífero Botucatu no Estado de São Paulo (1983)

  • Authors:
  • Autor USP: SILVA, ROSA BEATRIZ GOUVEA DA - IGC
  • Unidade: IGC
  • Sigla do Departamento: GGG
  • Subjects: HIDROGEOLOGIA; HIDROGEOQUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: Neste trabalho são utilizadas técnicas hidroquímicas e isotrópicas ('ANTPOT. 18 O', 'ANTPOT.2 H', 'ANTPOT.13 C', 'ANTPOT.14 C') para investigar os mecanismos da evolução da composição química, origem, idades aparentes e velocidades de circulação das águas subterrâneas do aqüífero Botucatu do Estado de São Paulo. Os resultados obtidos mostram que estas águas são originárias, principalmente, da infiltração das precipitações na zona de afloramento do aqüífero, sendo sua evolução hidroquímica determinada pelas condições de confinamento do aqüífero, pelas direções e sentidos do fluxo subterrâneo e pelo tempo de residência das águas. Esses fatores implicam em um aumento da temperatura e da salinidade das águas no sentido sudoeste, desde a zona aflorante até a região fortemente confinada do aqüífero. Neste sentido, as águas recentes bicarbonatadas magnesianas e calco-magnesianas evoluem para bicarbonatadas cálcicas, bicarbonatadas sódicas, quando chegam a atingir idades da ordem de 30.000 anos. A permeabilidade média aparente calculada a partir dos dados de 'ANTPOT.14 C' e de gradiente hidráulico é cerca de 2,6 x 1 'O POT.-5' m/s. A variação dos teores dos isótopos estáveis 'ANTPOT.18 O', 'ANTPOT.2 H', E 'ANTPOT.13 C' nas águas subterrâneas permitem supor possíveis oscilações climáticas nas diferentes épocas de recarga dessas águas. Há 30.000 anos reinava um clima quente e úmido que, por influência do último período glacial ocorrido no hemisfério norte, passa, entre 25.000 e 11.000 anos, a frio e seco, e, então, gradualmente, adquire as características atuais
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 00.00.1983
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SILVA, Rosa Beatriz Gouvea da; REBOUÇAS, Aldo C. Estudo hidroquímico e isotópico das águas subterrâneas do aqüífero Botucatu no Estado de São Paulo. 1983.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1983. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-28082015-135247/pt-br.php >.
    • APA

      Silva, R. B. G. da, & Rebouças, A. C. (1983). Estudo hidroquímico e isotópico das águas subterrâneas do aqüífero Botucatu no Estado de São Paulo. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-28082015-135247/pt-br.php
    • NLM

      Silva RBG da, Rebouças AC. Estudo hidroquímico e isotópico das águas subterrâneas do aqüífero Botucatu no Estado de São Paulo [Internet]. 1983 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-28082015-135247/pt-br.php
    • Vancouver

      Silva RBG da, Rebouças AC. Estudo hidroquímico e isotópico das águas subterrâneas do aqüífero Botucatu no Estado de São Paulo [Internet]. 1983 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-28082015-135247/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021