Exportar registro bibliográfico

Enxame de diques máficos de Olivença: aspectos geoquímicos e petrogenéticos (1990)

  • Authors:
  • Autor USP: OLIVEIRA, MARIA ALBA FARIAS TANNER DE - IGC
  • Unidade: IGC
  • Sigla do Departamento: GGG
  • Subjects: ENXAME DE DIQUES; GEOQUÍMICA
  • Language: Português
  • Abstract: O enxame de diques máficos de Ilhéus-Olivença e aqueles que ocorrem de forma esparsa desde Itabuna até Itaju do Colônia no sul do estado da Bahia, foram submetidos a um estudo detalhado envolvendo análises petrográficas e químicas de elementos maiores e traços (incluindo os elementos Terras Raras) e também química mineral. Os diques possuem larguras de 20 cm a 30 m, são subverticais a verticais e possuem "trend" preferencial E-W. Eles foram colocados em fraturas extensionais no Proterozóico Médio. cortam rochas arqueanas do embasamento cristalino, caracterizado por rochas do fácies granulito. Foram classificados em basaltos sub-alcalinos e alcalinos, tendo sido utilizado o Ti como qualificador; desta forma foram encontrados os tipos alto Ti (ATi) e baixo Ti (BTi). Os tipos sub-alcalinos são constituídos de plagioclásio cálcico, dois piroxênios (pigeonita ou hiperstênio e augita ou augita subcálcica) e óxidos de Fe-Ti em menores quantidades; a olivina é rara ou ausente. Os tipos alcalinos são constituídos por plagioclásio cálcico, um piroxênio (augita), óxidos de Fe-Ti e olivina (Fe). Os tipos ATi são caracterizados por conteúdos mais elevados de elementos incompatíveis com relação aos BTi. Os padrões de distribuição dos elementos Terras Raras (ETR) são semelhantes e ambos são mediamente enriquecidos em TR leves. A distribuição dos elementos trações indica diferenças importantes não evidenciadas pelos elementos maiores. Estes diques máficos pertencema um magmatismo toleítico continental cujo magma foi gerado por diferentes graus de fusão parcial (menor fusão nos tipos ATi) a partir de uma fonte mantélica subcontinental heterogênea do tipo "PLUME" e possivelmente colocado num sistema de "rift" abortado
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 10.01.1990
  • Acesso à fonte
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      TANNER DE OLIVEIRA, Maria Alba Farias; MELFI, Adolpho José. Enxame de diques máficos de Olivença: aspectos geoquímicos e petrogenéticos. 1990.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1990. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-11062015-102816/pt-br.php >.
    • APA

      Tanner de Oliveira, M. A. F., & Melfi, A. J. (1990). Enxame de diques máficos de Olivença: aspectos geoquímicos e petrogenéticos. Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-11062015-102816/pt-br.php
    • NLM

      Tanner de Oliveira MAF, Melfi AJ. Enxame de diques máficos de Olivença: aspectos geoquímicos e petrogenéticos [Internet]. 1990 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-11062015-102816/pt-br.php
    • Vancouver

      Tanner de Oliveira MAF, Melfi AJ. Enxame de diques máficos de Olivença: aspectos geoquímicos e petrogenéticos [Internet]. 1990 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44134/tde-11062015-102816/pt-br.php

    Últimas obras dos mesmos autores vinculados com a USP cadastradas na BDPI:

    Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2021