Exportar registro bibliográfico

Correntes naturais em obras de engenharia civil (barragens) (1973)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: SARAVALLE, CLOVIS BOSSOLAN - IGC
  • Unidades: IGC
  • Sigla do Departamento: GGE
  • Subjects: ENGENHARIA CIVIL; DIQUES; RESERVATÓRIOS
  • Language: Português
  • Abstract: No presente trabalho são apresentados os resultados da Aplicação do Método do Potencial Espontâneo, no estudo do vazamento de água em barragens. Os vazamentos de água em barragens podem ocorrer através do maciço e através do substrato. São qui descritas as diversas partes do maciço e as estruturas do substrato por onde ocorrem esses vazamentos, sendo também fornecidas as litologias dos substratos, salientando-se aquelas que podem originar maior permeabilidade. Alguns exemplos típicos de vazamentos, tanto através do maciço, como através do substrato, são fornecidos para casos brasileiros, tão bem como para alguns estrangeiros. O método do Potencial Espontâneo, só recentemente começou a ter aplicações em obras de Engenharia Civil. Suas primeiras aplicações em barragens começaram com Ogilvy e outros (1969) que desenvolveram estudos de laboratório, e de campo em reservatórios do Trans-Cáucaso e da Ásia Central. Antes disso, o método já era largamente utilizado em prospecção mineira, tendo-se desenvolvido por C. Schlumberger, quando estudava a pirita de Saint Bell, na França, em 1913. Para a execução dos trabalhos em laboratório, baseamo-nos na Lei de Darcy, nos estudos de C. Schlumberger sobre o método do Potencial Espontâneo, e nos trabalhos de Ogilvy e outros (1969, 70, 72). Segundo Ogilvy e outros (1969), "experiências de laboratório são executadas em vista de que os vazamentos de reservatórios são caracterizados por anomalias de correntes naturais. Quantomaior é a descarga de filtração, tanto mais alta são as anomalias. Como resultado, a relação que governa a diferença de potencial e a composição granulométrica da areia, concentrações eletrolíticas e outros fatores foram revelados". São apresentados gráficos e tabelas como conclusões dos trabalhos de laboratório. O método do Potencial Espontâneo foi empregado no estudo dos vazamentos de água da Barragem de Saracuruna (RJ) e da Barragem do Rio Juqueri, ) Sistema Cantareira, da COMASP (SP). São apresentados trabalhos anteriores sobre a localização, tipo de barragem, locais de vazamento, defeitos de construção, geologia local e características geométricas das barragens mencionadas, bem como são feitas comparações com outras metodologias empregadas no estudo dos mesmos vazamentos, chegando-se a uma boa correlação, entre este método e aqueles. Como conclusões dos trabalhos de campo realizados são fornecidos nove perfis levantados na Barragem de Saracuruna e os mapas de isoanomalias das duas barragens, onde aparecem as zonas de maior permeabilidade
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 00.00.1973
  • Online source access
    How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      SARAVALLE, Clovis Bossolan; ELLERT, Nelson. Correntes naturais em obras de engenharia civil (barragens). 1973.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1973. Disponível em: < http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-22062016-101100/pt-br.php >.
    • APA

      Saravalle, C. B., & Ellert, N. (1973). Correntes naturais em obras de engenharia civil (barragens). Universidade de São Paulo, São Paulo. Recuperado de http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-22062016-101100/pt-br.php
    • NLM

      Saravalle CB, Ellert N. Correntes naturais em obras de engenharia civil (barragens) [Internet]. 1973 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-22062016-101100/pt-br.php
    • Vancouver

      Saravalle CB, Ellert N. Correntes naturais em obras de engenharia civil (barragens) [Internet]. 1973 ;Available from: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/44/44131/tde-22062016-101100/pt-br.php