Exportar registro bibliográfico

Infra-estrutura da via ferrea (1984)

  • Authors:
  • USP affiliated authors: PORTO, TELMO GIOLITO - EP
  • Unidades: EP
  • Sigla do Departamento: PTR
  • Subjects: FERROVIAS; INFRAESTRUTURA DE TRANSPORTES
  • Language: Português
  • Abstract: Objetivos como elevar a velocidade dos trens de passageiros, incrementar a frequência dos subúrbios ou amentar a carga por eixo dos veículos de carga, exigem um enfoque mais racional do projeto estrutural da seção da via férrea, em substituição às soluções baseadas apenas na tradição vigentes nas ferrovias nacionais. O desempenho sistêmico do binômio veículo-via não pode ser ignorado, sob pena de prejuízo à economia e segurança da operação. Neste trabalho, inicialmente, são apresentadas as principais soluções encontradas para caracterizar mecanicamente o comportamento da via férrea. Descreve-se, a seguir, diversos métodos, entre os de desenvolvimento mais recente, para o dimensionamento da infra-estrutura da via. Entre eles, os métodos da AREA – Bulletin 645, da SNCF, de López-Pita (RENFE) e da British Railways. Tendo em vista que alguns destes procedimentos procuram considerar a resistência do solo do subleito quanto à solicitação repetida dos trens, foram executados ensaios triaxiais cíclicos, utilizando amostra colhida no trecho do ramal ferroviário do Parateí, em São Paulo. Efetuou-se, igualmente, outros ensaios geotécnicos com o fim de caracterizar o solo e comparar o resultado dos triaxiais de carga repetida com os resultados de testes usuais utilizados para estimar parâmetros de resistência do subleito. Finalmente, as particularidades do tráfego no Ramal do Parateí foram aproveitadas no dimensionamento teórico de sua infra-estrutura e camada de lastro através dos métodos apresentados, comparando-se tais dimensionamentos com o projeto, com base empírica, construído pela empresa proprietária do trecho. Em complementação, são discutidas rapidamente as alternativas de proteção contra o bombeamento dos solos finos do subleito, assim como princípios para a seleção de material de lastro ferroviário. A inclusão destaparte no trabalho deve-se à evidência de que a ruptura do lastro e o fenômeno do bombeamento são modos de ruína da estrutura da via férrea.
  • Imprenta:
  • Data da defesa: 08.08.1984

  • How to cite
    A citação é gerada automaticamente e pode não estar totalmente de acordo com as normas

    • ABNT

      PORTO, Telmo Giolito; PINTO, Carlos de Sousa. Infra-estrutura da via ferrea. 1984.Universidade de São Paulo, São Paulo, 1984.
    • APA

      Porto, T. G., & Pinto, C. de S. (1984). Infra-estrutura da via ferrea. Universidade de São Paulo, São Paulo.
    • NLM

      Porto TG, Pinto C de S. Infra-estrutura da via ferrea. 1984 ;
    • Vancouver

      Porto TG, Pinto C de S. Infra-estrutura da via ferrea. 1984 ;


Digital Library of Intellectual Production of Universidade de São Paulo     2012 - 2020